Novo curso - CRIAÇÃO DE GAMES


Por que não ganhar a vida criando games? Sua praia pode ser a criação de Jogos Digitais. É preciso dedicação: as aulas incluem áreas complexas como computação gráfica e inteligência artificial, além de conhecimentos de roteiro, game design, modelagem 3D e técnicas de criatividade.

O Mercado de games está em expansão, o que tem garantido emprego para a turma que se forma na área.

Quem faz o curso de criação de games atua como projetista e desenvolvedor de tecnologias computacionais para serem aplicadas em jogos. "Qualquer empresa que produza software que necessite de visualização 2D ou 3D, uma interface gráfica mais interativa e lúdica, poderá contar com o profissional da área". O salário inicial gira em torno de R$ 1,8 mil.

É pra você? - A primeira condição para desenvolver bons games é - claro - curtir o universo dos jogos. "O profissional deve ser apaixonado por games e toda a cultura gamer, RPG, anime, mangá, cinema...". Também é importante ser bom em matemática, que é a base da programação de computadores, além de ser criativo. Dominar o inglês é essencial.

O que vem por aí - Uma área de atuação que vem crescendo é o desenvolvimento de games para web em agências digitais, voltados para a publicidade. O profissional também pode atuar em empresas que desenvolvam aplicativos de simulação e visualização, como por exemplo, criação de softwares para arquitetura.

Diferencial - o aluno que deseja se destacar no curso deve levá-lo muito a sério. "Não é um curso que ensina a jogar, mas a desenvolver jogos". É fundamental criar um portfólio sólido: aproveite bem as disciplinas para desenvolver jogos. "Mostrar o que fez durante o curso, games que produziu, estágios que realizou na área, tudo isto vai compor um excelente currículo para encontrar grandes oportunidades".

Logout